Deputados aprovam lei para que escolas ofereçam absorventes

Até a próxima semana o governador Gladson Cameli deve sancionar o projeto de lei

Os deputados estaduais aprovaram, por unanimidade, na última semana o Projeto de Lei que obriga as escolas públicas do Acre a oferecerem absorventes as alunas. O autor do projeto é o deputado estadual Chico Viga, do Podemos, que alegou trazer dignidade e saúde para as crianças e adolescentes do estado.

O projeto é do ano de 2019, mas voltou a ser pauta na Assembleia Legislativa do Estado do Acre (Aleac) após o presidente Jair Bolsonaro, sem partido, vetar a distribuição gratuita de absorventes para estudantes de baixa renda das escolas públicas, mulheres em situação de vulnerabilidade social e para mulheres em presídios.

A secretária de Educação do Estado, Socorro Neri, se manifestou favorável ao projeto nas redes sociais. “Promover dignidade a estudantes das escolas estaduais do Acre que, pela condição socioeconômica, não têm acesso a absorventes durante os ciclos menstruais. Eis a importância do projeto de lei do deputado Chico Viga, aprovado nesta quarta-feira pela Aleac”, escreveu.

É aguardado que até a próxima semana o governador Gladson Cameli, do Progressistas, sancione o Projeto de Lei para que a Secretaria de Estado de Educação do Acre (SEE) prossiga com a aquisição dos absorventes e distribuição para as alunas.

Deixe uma resposta