thumb aleac1

Professores realizam ato por educação de qualidade

Manifestantes foram até a Aleac pedir apoio a parlamentares

Revoltados contra um Anteprojeto de Lei que altera os dispositivos da Lei Complementar Estadual nº 67, de 29 de junho de 1999 e da Lei Complementar Estadual nº 58, de 17 de julho de 1998, professores da rede pública estadual de educação realizaram na manhã desta terça-feira, 22, em frente ao Palácio de Rio Branco, Ato Público em Defesa de uma Educação de Qualidade.

O Anteprojeto altera a lei que trata sobre a ‘puladinha de letra’, que é a promoção na carreira dos professores. O novo artigo diz que “os professores serão redistribuídos em classes pela formação e nas referencias por tempo de serviço, enquadrando-se nas letras da carreira a cada sete anos, respeitando para tanto a contagem em dias”.

Com as alterações, o profissional demorará sete anos para realizar a ‘puladinha’, quatro a mais do que prevê o texto vigente.

Munidos de cartazes e gritando palavras de ordem, os manifestantes marcaram presença também na Assembleia Legislativa do Acre, durante sessão desta terça-feira e pediram o apoio dos parlamentares estaduais.

Deixe uma resposta