240419-surdos

Diniz garante profissionais em libras no próximo concurso

Inclusão é uma lei de 2012 e decreto de 2014

Uma reunião entre membros da associação e do Centro de Apoio aos Surdos, com o secretário municipal de Educação de Rio Branco, aconteceu na manhã desta terça-feira (23), na Secretaria Municipal de Educação (Seme).

A pauta principal é a inclusão, pois uma lei de 2012 e um decreto de 2014 garantem atendimento adequado aos portadores de surdez em órgãos públicos e escolas. Coisa que nunca aconteceu em Rio Branco.

Segundo Moisés Diniz, secretário de educação, a reunião foi produtiva. “Professores já seriam contratados para atuarem na educação especial, e agora mais do que nunca, a prefeitura irá se empenhar em promover um bom atendimento para essas pessoas”, garante.

“A reividicação deles é justa, e a Prefeitura de Rio Branco incluiu profissionais em libras no próximo concurso efetivo, e que eles possam fazer a prova também em libras, que é uma das grandes reclamações do grupo”, concluiu Diniz.

 

Deixe seu comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

*