cnj1

TJ/AC participa da 1ª audiência pública do CNJ

Roberto Barros foi um dos palestrantes do encontro

No plenário do Conselho Nacional de Justiça, representantes de órgãos públicos, autoridades e entidades da sociedade civil, além de especialistas, sugeriram medidas para a melhoria da primeira instância, que é a porta de entrada dos cidadãos na Justiça brasileira. 60 participantes apresentaram oralmente suas contribuições ao debate para a eficiência da primeira instância e o  aperfeiçoamento legislativo voltado ao Poder Judiciário. Todos os segmentos da magistratura foram ouvidos pelo CNJ para a melhoria e o atendimento com qualidade da demanda do Judiciário. O corregedor geral de Justiça, desembargador Pedro Ranzi, e a vice-presidente do TJ, desembargadora Cezarinete Angelim, também prestigiaram as atividades.  O desembargador/presidente do Tribunal de Justiça do Acre, Roberto Barros, foi habilitado pelo CNJ para participar dos debates.

A palestra do presidente do Tribunal de Justiça do Acre foi pautada nas atividades do Judiciário na região Norte do País. E, nesse contexto se insere os programas sociais desenvolvidos pela corte acreana junto às comunidades mais distantes do Estado.

 

Deixe uma resposta