1009-politica-clesio

Vereador critica política de segurança

Moreira: “Pelo amor de Deus!”

O vereador Clésio Moreira desabafou na Câmara de Rio Branco, ao pedir, até “pelo amor de Deus”, que as autoridades de Segurança Pública façam alguma coisa para conter a violência.

O parlamentar chegou a afirmar que os moradores já deixaram de se preocupar com seus bens materiais. “Com a violência e audácia dos bandidos, o medo de todos é perder a vida”, revelou.

Para Clésio, a impunidade e a falta de policiamento ostensivo deixaram espaços para os bandidos agirem. E citou o caso em que o deputado Rocha, que é major da PM e o segurança (que também é militar) apanharam durante o assalto ocorrido a uma lanchonete na tarde dessa segunda-feira, no centro da cidade.

O vereador Fernando Martins saiu em defesa do Governo. Disse que as prisões estão ocorrendo e apontou outros fatores responsáveis por tanta violência, como a grande taxa de natalidade, onde segundo Martins, o Estado fica obrigado a criar ou ajudar a manter as famílias.

“Essas pessoas vão fazendo filho e depois sobra para a prefeitura, o estado e a União criar os filhos, é preciso mudar isso”, revelou. Para o vereador Clésio, a cidade está abandonada e falta investimento na segurança pública.

“Hoje todos são reféns dos bandidos, e agora, até a policia”, com referência ao assalto a lanchonete, onde o militar além de ser espancado teve sua arma levada pelo bandido.

Deixe seu comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

*