Sexta-Feira, 03 de Julho de 2020
Você está aqui: Home Polícia MPAC oferece denúncia ao Tribunal do Júri contra policial penal

Polícia

MPAC oferece denúncia ao Tribunal do Júri contra policial penal

Quenison é acusado ter assassinado a própria esposa

O Ministério Público do Estado do Acre (MPAC) ofereceu denúncia para que seja pronunciado e julgado no Tribunal do Júri o policial penal Quenison Silva de Souza, acusado de matar a companheira, Erlane Cristina de Matos, com um tiro na cabeça.

Para o promotor de Justiça, Ildon Maximiano Peres, o crime foi praticado por motivo fútil, “motivado por discussão banal, uma vez que o denunciado não aceitava a possibilidade de término do relacionamento.”

O promotor também defende que o crime foi praticado contra mulher por razões da condição de sexo feminino, em contexto de violência doméstica.

Além do pedido de julgamento por feminicídio, o MP fixou valor mínimo de reparação e a perda do cargo público de policial, após a condenação.

Entenda o caso

O crime ocorreu no último dia 11 de março deste ano, na residência do casal, localizada no bairro Estação Experimental, em Rio Branco. A vítima foi atingida na cabeça, por um disparo de arma de fogo. Ela foi levada para o Pronto Socorro de Rio Branco, mas não resistiu aos ferimentos e morreu.

agazeta logotipoAv. Antônio da Rocha Viana, 1.559
Vila Ivonete - Cep. 69.914-610
Rio Branco - Acre
Tel.: (68) 2106-3050
Fax: (68) 2106-3081



Fique Conectado