Política

Senador Guiomard aprova ajuste de salário para parlamentares

Vereadores devem receber agora R$ 8,5 mil por mês

A câmara de vereadores do município de Senador Guiomard autorizou a revisão de salários dos parlamentares. A decisão foi publicada na edição do Diário Oficial do Estado (DOE), nesta quarta-feira (13).

A autorização homologou o reajuste de R$ 5,5 mil para R$ 8,5 mil.

O presidente da Casa, o vereador Magildo Lima, do Progressistas, afirmou ter sido obrigado a conceder o aumento para não ser enquadrado na lei de improbidade administrativa, mesmo alegando ser contra o aumento de salário.

Em contrapartida o presidente anterior, Gilson da Funerária, refuta as afirmações de Magildo. Segundo ele, o projeto foi aprovado em apenas um turno, mas o regimento interno afirma que todo projeto de lei da Câmara Municipal precisa ser votado em dois turnos.

Além de Senador Guiomard, Mâncio Lima, Rodrigues Alves e Feijó vivem a polêmica do reajuste, tanto no Legislativo com no Executivo municipal. No caso de Mâncio Lima e Rodrigues Alves, o Ministério Público está investigando o aumento, já em Feijó o reajuste está programado para 2022.