Sexta-Feira, 23 de Abril de 2021
Você está aqui: Home Política Vacina da Pfizer foi aprovada para uso definitivo no Brasil

Política

Vacina da Pfizer foi aprovada para uso definitivo no Brasil

Governo Federal ainda não avançou em negociações

A Agência Nacional de Vigilância Sanitária aprovou nesta terça-feira (23) o uso definitivo da vacina contra covid-19 produzida pela Pfizer e pela Biontech, no entanto, as negociações entre os laboratórios e o governo brasileiro estão emperradas. Em entrevista coletiva nesta quarta-feira (24) em Rio Branco o Ministro Eduardo Pazuello comentou sobre a situação.

Questionado se iria comprar as vacinas da Pfizer e aceitar os termos do contrato o Ministro da Saúde, Eduardo Pazuello respondeu que a questão está sendo discutida no Congresso Nacional e com o governo.

“Estamos negociando com os laboratórios a quase seis meses, nós temos sido muito duros e eles tem sido mais duros que a gente, não afrouxam uma vírgula. Levamos o problema ao governo que está tratando disso junto ao Congresso e está se discutindo a possibilidade de flexibilização de lei para isso, é um alto nível de discussão do governo e do Congresso Nacional. Então cabendo a mim cumprir o que vier, se vier uma autorização clara, flexibilizando toda as atividades, sim, nós vamos comprar a Pfizer, já há um cronograma de entrega para nós” declarou o ministro Eduardo Pazuello.

O presidente Jair Bolsonaro complementou a fala de Pazuello “o laboratório não quer se responsabilizar por possíveis efeitos colaterais da vacina, é de extrema responsabilidade, todas as provas serão mostradas para a população para que saibam o que está sendo aplicado” disse o presidente.

A vacina Pfizer tem eficácia global de 95% e sua segurança foi atestada pela Anvisa.

agazeta logotipoAv. Antônio da Rocha Viana, 1.559
Vila Ivonete - Cep. 69.914-610
Rio Branco - Acre



Fique Conectado